ATIVISTAS DE DIREITOS HUMANOS SÃO PERSEGUIDOS POR DENUNCIAR ILEGALIDADES NO PODER JUDICIÁRIO

A Rede Pelicano de Direitos Humanos apresentou a reclamação constitucional n. 39540, de Relatoria do Ministro Ricardo Lewandowski onde vem questionando servidor que recebeu sem trabalhar durante mais de 15 anos e denunciado o fato junto ao pedido de providências n. 0006415.33.2017.2.00.0000, o Corregedor Nacional de Justiça, #Ministro #Humberto #Martins, nada fez.

Em razão das denúncias de ilegalidades feitas contra desembargador e agregados, ativistas de direitos humanos foram duramente perseguidos, inclusive, forjaram provas e fabricaram fatos para o fim de intimida-los e incrimina-los, com a #criação de #falsas verdades e tortura psicológica.

Todos os fatos são de conhecimento do Ministro #Humberto Martins, Corregedor Nacional de Justiça que vem se omitindo na apuração. Por outro lado, a desembargadora denunciada contratou advogado amigo do ex-corregedor nacional de justiça, Ministro João Otávio Noronha, para defende-la (https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/05/juiza-de-sergipe-investigada-contrata-amigo-de-corregedor-para-defende-la.shtml)

O caso está sendo apurado junto a Comissão de Direitos Humanos processo P-1067/19 e com a Ministra Carmen Lúcia, na reclamação constitucional n. 39711, onde foram os ativistas da Rede Pelicano denunciaram os atos de tortura psicológica com a criação de falsas verdades, através de provas forjadas secreta e unilateralmente.

IBEPAC BRASIL REDE PELICANO

NOSSA MISSÃO: Assessorar e articular os movimentos sociais, lideranças, grupos e pessoas, na promoção de políticas públicas voltadas para a defesa dos direitos humanos;

%d blogueiros gostam disto: