JUÍZES ROBÔS PARA SENTENCIAR

JUÍZES ROBÔS PARA SENTENCIAR

Você deixaria a justiça nas mãos de robôs e inteligências artificiais? 

Consciência, sentimentos, livre arbítrio… Há coisas que uma máquina ainda não consegue entender sobre o ser humano, não consegue entendê-las seguindo seu raciocínio ‘mecânico’. Não pode saber por que mentimos, por que nos contradizemos, por que perseveramos e/ou triunfamos quando, de acordo com os dados, deveríamos fracassar. São muitas variáveis, e no campo da Justiça as mesmas.

Um juiz tem diante de si a Lei, e seu dever é aplicá-la, interpretando seus postulados. 

Há quem siga as leis à risca e aplique a justiça como ela é, e há quem a use como base, como guia, mas decide cada caso no seu contexto, interpretando-o, olhando para outros fatores. 

O que aconteceria se os juízes robôs fossem inventados?

Eles seriam capazes de fazer mais do que apenas aplicar as regras que seu sistema aprendeu? Eles levariam em conta outros fatores? 

A China pode ter a resposta para isso – https://as.com/meristation/2022/03/19/betech/1647672219_333452.html

IBEPAC BRASIL REDE PELICANO

NOSSA MISSÃO: Assessorar e articular os movimentos sociais, lideranças, grupos e pessoas, na promoção de políticas públicas voltadas para a defesa dos direitos humanos;
Translate »
%d blogueiros gostam disto: